Tumblelog by Soup.io
Newer posts are loading.
You are at the newest post.
Click here to check if anything new just came in.
silasashcraft869

Faça O Consumidor Publicar Seu Negócio Nas Mídias sociais

Importância Do Marketing Em Redes sociais


Bill Slawski é um especialista de s.e.o. (Search Engine Optimization, ou otimização pra motores de procura virtuais) e mantenedor do site SeoByTheSea, que se propõe apreciar o segmento de buscas na internet como um todo. L’Oréal E Dove São As Marcas Favoritas Nas Mídias sociais rompe a clausura dos limites do Google em que se descobre a criação de tráfego orgânico e conta como vê o jornalismo digital e impresso em uma data nesses mesmos moldes.


A especialização do S.e.o. (search engine optimization) são as patentes de pesquisa. O "mestre das patentes", como Fábio Ricotta, um popular Seo (search engine optimization) brasileiro se referiu a Slawski no Twitter, vê imensas formas de blogs de notícias terem mais visitantes em seus portais. Ainda de acordo com o Seo (otimização para motores de buscas), essas ações não são, a toda a hora, concentradas pela otimização clássica composta por conteúdo expressivo, formatado de modo simpática aos sites de busca e outra série de implementações de cunho técnico dentro e fora do domínio. Em ligação aos principais pontos de desacordo ou compreensão errônea a respeito do search e o jornalismo, Slawski comentou que não se precisa "pintar todas as redações com o mesmo pincel".


  • Crie um registo
  • Arte interativa
  • Até 3 publicações por semana (volume opcional)
  • Pronto. A cada trinta minutos você poderá receber vinte seguidores e 15 curtidas
  • Otimização para os buscadores


O Seo (otimização para motores de buscas) ainda ilustrou uma história que ocorreu com um jornal da região onde mora, uma área predominantemente rural, no estado da Virgínia, Estados unidos. Bill ilustrou bem como que o jornal impresso, retornado a cobrir tópicos locais, passava a rodar duas publicações por semana. Ao mesmo tempo deixava de repartir o assunto das versões impressas pela Internet.


Desse jeito, abraçariam uma estratégia focada na distribuição de uma versão eletrônica, com tema distinto e acessível só por intervenção de pagamento (cobrar por tema leva o nome de paywall). “Nessa versão online, incluíram as contribuições de blogueiros locais - tema ausente das versões impressas - e geravam formas de a comunidade leitora digital, interagir de formas inovadoras , através de fóruns de leitores”, relatou. Seja O Teu Respectivo Carro do conteúdo gerado pela comunidade na versão impressa e citou a estratégia de ampliar o número de edições no papel.


“Não posso culpá-los na decisão de acrescentar a regularidade de publicação do impresso. O que me causa direito espanto é a decisão de partir para uma segunda publicação no papel, pontualmente quando o blog do jornal se transformava em um ponto de encontro significativo pra sugestões locais. Acho que tal quantidade denota de forma clara a desconfiança com que editores enxergam o digital como maneira de gerar receita”, considerou. O S.e.o. (otimização para motores de buscas) acredita pela probabilidade de um veículo de notícias integrar uma presença interessante no meio digital e outra similarmente significativo no impresso. Para fortalecer teu fundamento, Slawski remeteu a um post publicado há quase uma década, em que Malcolm Gladwell sugere a credibilidade do meio impresso pra nação.


Não Conseguiu Se Firmar No Time , o S.e.o. vê que há uma suposição exclusiva: o poder de interação imediata com os leitores aliada a uma maneira de transportar dicas a determinados locais, onde seria mais complicado a distribuição do impresso. Então, criaria uma ligação entre os fatores de custo da localidade e atualidade.


Sobre táticas de distribuição de automóveis e de planejamento editorial, Slawski cita o designer polonês Jacek Utko, responsável pelo incrementar de modo significativa a circulação dos meios de comunicação impressos. Assunto De Peculiaridade Não Depende Só Da Ideia, Contudo Do Timing, Diz Produtor estes que redesenham capas e reavaliam a relevância de instituídos conteúdos investigando seus locais de circulação. “Eu adoraria visualizar Utko colaborando com o corpo editorial do Washington Artigo, um jornal ‘local’, pela localidade em que moro.


Entretanto, de ‘local’, este jornal possui muito pouco”, contou Slawski. O caderno regional do WP, batizado de “Metro” é distribuído, principalmente, nas estações de metrô que fazem a conexão em regiões no estado da Virgínia, de Maryland e do Distrito de Columbia. Distribuídos pelas estações do trem, quiosques servem de ambiente, onde os viajantes de metrô apanham as cópias do impresso.


Dessa forma que encerram tua viagem, têm acessíveis outros quiosques, onde depositam suas cópias. “Percebo que Washington DC e o caminho das linhas de metrô são o que desejamos chamar de espinha dorsal do WP. Apesar de ser um jornal de extenso circulação e incorporar os estados da Virgínia e de Maryland, trata muito pouco de tópicos relacionados a essas áreas”, afirmou o S.e.o. (otimização para motores de buscas). Bill considera que tal escassez de tema relacionado aos locais citados (Virgínia e Maryland) configuram uma estratégia de negócios, ao passo que denotam uma falha na estratégia de S.e.o.. Pela seção “local” (locais) do portal de notícias, são citados os dois estados e o distrito de Washigton como áreas de cobertura, no entanto apenas cita.


“Acho que em tal grau o jornal recinto que citei no início de nossa conversa, quanto o Washington Post, poderiam adotar políticas de cooperação da comunidade leitora na elaboração da pauta”, ponderou Bill Slawski. “Acredito que tal postura seja determinante no futuro das notícias online”, continuou. Bill dá a assimilar, que tal ajuda não é exemplificada apenas por sugestões de pauta, mas, prevê, inclusive, o uso de material gerado pelos leitores. O S.e.o. destaca a estatal britânica, BBC, como modelo de portal no aproveitamento de objeto gerado por leitores que têm a chance de relatar, a começar por imagens e outros formatos de mídia, acontecimentos que ocorreram em sua proximidade.


(PRO)
No Soup for you

Don't be the product, buy the product!

close
YES, I want to SOUP ●UP for ...